23/10/21


 



Leitão, Joaquim – Cabêça a Prémio – Contos. Segunda edição. Lisboa, Companhia Portuguesa, 1921. De 19x12,5 cm., com 278-I págs. Desenho da capa de José Gama. 
Br. € 17,50

Exemplar com acidez.


Camões, luís de – Os Lusíadas – Porto, Lello & Irmão Editores, 1939. De 20x14 cm.; com 381 págs. Enc. € 70,00

Este exemplar é uma reprodução fac-similada da 1.ª edição, publicada em 1572 e mandada imprimir em 1939 pelos editores da cidade do Pôrto, Lello & Irmão, para oferecerem aos seus Amigos, em comemoração dos 70 anos de existência da sua casa editora, a Livraria Chardron, fundada em 1868.

Exemplar n.º 231, assinada pelo editor. 

Encadernação com lombada e cantos em pele. Levemente aparado à cabeça. Carminado. Estimado.


 

Lipiner, Elias – O Tempo dos Judeus, segundo as Ordenações do Reino – São Paulo, Livraria Nobel, 1982. De 23x16 cm.; com 248-III págs. Ilustrado. Capa de Roberto Strauss.
Brochado € 25,00

Exemplar estimado.

22/10/21


 

Araújo, Luís Manuel de - Egipto: As Pirâmides do Império Antigo - 2.ª edição, revista e aumentada. Lisboa, Edições Colibri, 2003. De 23x15,5 cm.; com 287-II págs. Ilustrado.
Br. € 12,50

Colecção «Temas Pré-Clássicos», 1.
Exemplar estimado.




Mota, Isabel Ferreira da - A Academia Real da História. Os intelectuais, o poder cultural e o poder monárquico no séc. XVIII - Coimbra, Minerva Editora, 2003. Prefácio de Joaquim Veríssimo Serrão. Apresentação de Luís Reis Torgal. De 23x16 cm.; com 391-VI págs. Ilustrado.
Br. € 16,00

Exemplar estimado.


 

Albuquerque, Luís de – Estudos de História – Coimbra, Universidade de Coimbra, 1974-1978. De 22x15,5 cm.; 
6 volumes. Ilustrados. 
Brochados € 85,00

Obra completa. 

Todos os volumes muito estimados e quase na totalidade por abrir.

21/10/21

Bueno, Eduardo – I - A Viagem do Descobrimento: A verdadeira história da expedição de Cabral. II – Naufrágios, Traficantes e De3gr4edados: As primeiras expedições ao Brasil. III – Capitães do Brasil: A saga dos primeiros colonizadores – Rio de Janeiro, Editora Objetiva, 1998-1999. De 20x18 cm.; 3 volumes; com 137-III/200-IV/287-I págs. Ilustrados.
Brochados € 50,00

Colecção «Terra Brasilis».
Todos os volumes estimados.



 


 

Costa, Manuel João Garcia Dias da – Dias da Costa, Carvalhos e Garcias de Vila Nova de Famalicão – (Subsídios genealógicos). V. N. Famalicão, 1983. De 25x18,5 cm.; com XI-273-XIV págs. 
Br. € 35,00

Com uma dedicatória que não se sabe se é do autor. 
Estimado.

20/10/21

Prémio Camões 2021

Paulina Chiziane, é a vencedora do 33.ª edição do Prémio Camões, com a obra Niketche: Uma História de Poligamia




 


Barreto, Luís Filipe - Portugal: Pioneiro do Diálogo Norte/Sul – Lisboa, INCM, 1988. De 31x23 cm.; com 163-II págs. Profusa e belamente ilustrado a cores. 
Enc. editorial € 35,00

Texto em português, francês e inglês. 
Conserva a sobrecapa. 
Estimado. 


 

D. Fernando II: Rei-Artista, Artista-Rei – Lisboa, Fundação da Casa de Bragança, 1986. Apresentação de João Gonçalo do Amaral Cabral. De 28x21 cm.; de 359 págs. Profusamente ilustrado. 
Br. € 45,00

Exemplar estimado.


 
A Mesa dos Reis de Portugal - Ofícios, consumos, cerimónias e representações (séculos XIII-XVIII). Maia, Temas e Debates/Círculo de Leitores, 2011. Coordenação de Ana Isabel Buescu e David Felismino. Apresentação de Maria Helena da Cruz Coelho. De 22,5x17,5 cm.; de 478 págs. Profusamente ilustrado a p.b. e a cores. 
Cartonado € 25,00

Exemplar estimado.

19/10/21

 Armanda Passos (1944-2021)

Morreu a pintora e artista plástica Armanda Passos, aos 77 anos.

A artista nascida em 1944, em Peso da Régua, fixou-se no Porto, onde estudou Artes Plásticas na Escola Superior de Belas Artes. Além do seu trabalho como docente, participou em diversas exposições individuais e coletivas por todo o mundo. Está representada em importantes coleções públicas, do Museu do Chiado em Lisboa, ao Museu de Serralves, no Porto. Conta vários prémios e a condecoração com a Ordem de Mérito, em 2012.


Foi professora de Tecnologia da Serigrafia no Centro de Reabilitação Vocacional da Granja, monitora de Tecnologia da Gravura na ESBAP (1977-1979) e membro do grupo "Série" Artistas Impressores.

Começou a expôr em 1976.


Ao longo da sua carreira, alcançou importantes distinções. (daqui)

Curado, Manuel - A Sabedoria da Paciência - Antologia do Centenário de João da Rocha (1868-1921). Viana do Castelo, C. M. de Viana do Castelo, 2021. Prefácio de Manuel Curado. 
De 23x17 cm.; com 432 págs. Ilustrado.
Br. € 20,00

Novo.

João da Rocha, um dos mais ilustres escritores e figuras públicas da cidade de Viana do Castelo. Cidade onde nasceu a 17 de abril de 1868. falecendo a 1 de fevereiro de 1921, em Lisboa.

Ao longo da sua vida, notabilizou-se de muitos modos, destacando-se como contista e contribuindo decisivamente para o género fantástico na literatura portuguesa.

Como ensaísta, realço os seus estudos sobre as Descobertas, nomeadamente sobre o Infante D. Henrique e sobre o navegador Gonçalo Velho. Na poesia, o registo lírico é muito intimista. (José Maria Costa)


Rocha, João da - Angústias - Edição crítica.  Viana do Castelo, C. M. de Viana do Castelo, 2021. Introdução, Fixação do Texto e Notas: Manuel Curado. De 23x17 cm.; com 364-I págs. Ilustrações de Patrícia Ferreira.
Br. € 17,00

Novo.

Publicado em 1901, quando João da Rocha tinha trinta e três anos, o livro Angústias reúne textos escritos durante a década anterior em diferentes locais." (da Introdução)




Carvalho, Rómulo de - História do Ensino em Portugal - desde a fundação da nacionalidade até ao fim do regime de Salazar-Caetano - 5.ª edição. Lisboa, Fundação Calouste Gulbenkian, 2011. De 23x15 cm.; com 962-V págs. Ilustrado.
Br. € 15,00


Exemplar estimado.

18/10/21




Coelho, Eduardo Prado - O Reino Flutuante - exercícios sobre a razão e o discurso. Lisboa, Edições 70, 1972. De 20x14 cm.; com 315-V págs.
Br. € 12,50

Colecção «Signos», n.º 1.

Exemplar com alguma acidez.





Lopes, Óscar - A busca de sentido - questões de literatura portuguesa. Lisboa, 1994. De 21x14 cm.; com 267-II págs.
Br. € 12,50

«Estudos de Literatura Portuguesa».




Lopes, Óscar - Uma arte da música e outros ensaios - Póvoa de Varzim, Oficina Musical, 1986. De 19x14 cm.; com 225-IV págs.
Br. € 15,00


Exemplar estimado.

16/10/21





Schaub-Koch, Prof. Emile - Raul Xavier: sculteur portugais - Lisbonne, 1957. Préface de Mário Areias. De 20x15,5 cm.; com XI-83-VI págs. Profusamente ilustrado.
Br. € 20,00

Exemplar estimado.


César, Oldemiro - Artistas Portugueses: Raúl Xavier (Escultor) - Lisboa, Edição do Autor, 1943. De 23,5x16,5 cm.; com 51 págs. + 56 reproduções de trabalhos do artista.
Br. € 25,00


Da tiragem especial de cem exemplares, numerados e rubricados pelo autor, que não entraram no mercado, e dos quais este é o n.º 75.

Estimado.


Burns, Edward McNall - História da Civilização Ocidental - Do Homem das Cavernas até à Bomba Atómica. O Drama da Raça Humana. Lisboa/Porto Alegre, Co-edição Centro do Livro Brasileiro/Editora Globo, 1977. 3.ª dição, 4.ª impressão, revista e actualizada de acôrdo com a 4.ª dição norte-americana. Tradução de Lourival Gomes Machado, Lourdes Santos Machado e Leonel Vallandro. De 21x14,5 cm.; 
2 volumes; num total de XXI-1052-I págs. Ilustrado. Enriquecido com alguns mapas ilustrativos de Liam Dunne. 
Br. € 32,50

Ambos os volumes estimados.

15/10/21

Agustina Bessa-Luís (1922-2019), nasceu há 99 anos

Meu Amigo

Estou de uma maneira tão tirânica aqui para com os meus personagens que por mais que invente maneira de me livrar deles, nascem e propagam-se como os mosquitos. Numa família já liquidei três pessoas, outra deve andar a soldo dos grandes boémios da política, lá pela capital, outra deve entrar como noviça por estes dias. Com que alívio me desfaço deles, com que renitência me devolvem honras, com que crueldade me encomendam milhões...

Agustina Bessa-Luís, Correspondência Agustina-Régio, 2014, p. 35. 


Soares, Aníbal – Chronica do Exílio – Paris, Empreza Editora “Chronica do Exílio”, 1912-1913. Do n.º 2 de Nov. de 1912 ao n.º 39 de Out.-Nov. de 1913. De 23x13,5 cm.; 14 fascículos. Brochados € 25,00

Com falta dos seguintes números: 1, 4, 5, 8, 11, 14, 16, 19, 21 ao 31.
Alguns, apresentam as capas de brochura traseiras sujas e pouco cuidadas.

A obra completa é composta por 39 números (do n.º 1 de Out. de 1912 ao n.º 39 de Nov. de 1913).



Figueiredo, Manuel de - O Pintor Henrique Pousão - Pôrto, Círculo Dr. José de Figueiredo, 1942. De 25x17 cm.; com 38-I págs. Ilustrado.
Br. € 20,00


Edição de 300 exemplares, numerados 
(n.º 242) e rubricados pelo autor.

Estimado.


Livro de Ouro: Homenagem ao Pintor Acácio Lino – Pôrto, Imprensa Portuguesa, 1942-1943. De 24,5x19,5 cm.; com 109-I págs. Profusamente ilustrado.
Br. € 30,00

Com a colaboração de: Guedes de Oliveira, Aarão de Lacerda, Antero de Figueiredo, Armando de Lucena, A. de Magalhães Basto, Aurora Jardim, Braz Burity, Diogo de Macedo, José Marques da Silva, Mendes Corrêa, Sousa Costa, Teixeira de Pascoaes, Torquato de Sousa Soares, Vasco Valente, J. Moreira Fernandes, entre muitos outros.

14/10/21

Victor de Sá (1921-2004)

Centenário do seu nascimento


Joaquim Victor Batista Gomes de Sá nasceu na pequena aldeia de Cambeses, Barcelos, em 14 de Outubro de 1921, filho de uma professora do ensino primário e de um então sargento do Exército. Cedo a família se transferiu para Braga. (daqui)

Foi um cidadão corajoso e interveniente, um combatente pela liberdade, um cidadão activo e indomável, um intelectual probo, um professor universitário inovador e estimado e um investigador operoso.

Desde muito cedo, vivendo em Braga, ainda estudante no Liceu Sá de Miranda, de cuja Academia foi presidente, em Victor de Sá (n. 1921) se manifestou, a par da incomodidade, o gosto pela leitura e pela escrita, expresso já então em artigos publicados no “Correio do Minho” a partir de 1937 e na tentativa de criação de uma biblioteca no Liceu.

Concluídos os estudos secundários, estávamos em 1942, empregou-se numa livraria (a desaparecida Gualdino, na rua do Souto), gastando quase todo o seu ordenado na compra dos livros que tanto apreciava e lhe eram necessários. Porém não lhe agradava que esses livros, comprados com sacrifício, ficassem nas estantes, parados, adormecidos, depois da minha leitura. Parecia-me egoísta que eles ali ficassem… indiferentes à curiosidade que tantos jovens, como eu no tempo de estudante, teriam em os ler. Por isso concebeu uma biblioteca original – sistema de leituras facilitadas para utilização por empréstimo via postal em qualquer ponto do país – a célebre Biblioteca Móvel que durante 8 anos desenvolveu meritória e utilíssima acção cultural, bem expressa nos 6 catálogos que publicou, e que a prepotência salazarista obrigou a encerrar em 1950. Nessa altura publicou os seus primeiros livros, de entre os quais se destaca uma “Bibliografia Queirosiana”(1945).


Dentro da mesma ideia de combater o imobilismo e o obscurantismo cultural, publica em 1956 uma obra intitulada “As bibliotecas, o público e a cultura”, resultado de um inquérito inicialmente e em parte publicado no “Correio do Minho” que teve como objectivo o livro, a leitura e os leitores, sobretudo em função das bibliotecas bracarenses, mas com uma análise que atingiu dimensão nacional. (ler mais)




Hoozee, Robert; Tahon-Vanroose, Monique; Bown-Taevernier, Sabine - Frits Van den Berghe - Ghent, Gemeentekrediet, 1983. De 30x21 cm.; de 215 págs. Profusamente ilustrado.
Br. € 17,50

Exemplar estimado.


Frits Van den Berghe (1883-1939, Ghent), foi um pintor e ilustrador expressionista e surrealista belga. (ler mais)


 
Falcão, Cor. Cav.ª Conde - Exército Português. Imagens da I Guerra Mundial – S/l, 1998. Edição de Informação Protocolo e Relações Públicas do Gabinete do General Chefe do Estado Maior do Exército. De 30x23 cm.; com 199 págs. Profusamente ilustrado com fotografias do Arquivo do Exército Português.
Br. € 60,00

Tiragem de 1500 exemplares.
Estimado.

13/10/21

A cidade do Porto em festa...

Germano Silva - o grande historiador do Porto,
celebra hoje 90 anos.

Muitos Parabéns, Germano!

Para assinalar a data, irá apresentar o seu mais recente livro 

Porto, as histórias que faltavam

Será na Biblioteca Almeida Garrett, pelas 18h30.

Apareça!


 

Freitas, Eugénio da Cunha e – Toponímia Portuense – Matosinhos, Contemporânea editora, 1999. 
De 27,5x14 cm.; de 356 págs. 
Brochado € 40,00

Obra de referência e o que de mais completo se publicou sobre toponímia portuense. 

Exemplar estimado.


 

Esteves, Augusto César – O Meu Livro das Gerações Melgacenses – Melgaço, Edição da Nora do Autor, 1989-1991. Apresentação de Luís de Magalhães Fernandes Pinto. De 24,5x17,5 cm.; 2 volumes; com 694-I e 207-I págs. 
Br. € 50,00

Importante estudo heráldico e genealógico sobre as famílias de Melgaço. 

Ambos os volumes estimados.


 

Cancioneiro Popular Português – Coimbra, Imprensa de Coimbra, 1997. Coligido por J. Leite de Vasconcellos. Coordenado e com introdução de Maria Zaluar Nunes. De 26x19 cm.; 3 volumes; de XLI-705-II / IV-535-I / VIII-483-I págs. 
Br. € 170,00

Reedição da edição de 1975. Todos os volumes estimados.

12/10/21




Monteiro, António Manuel - A Oliveira - recuperar o passado. Com especial referência a Trás-os-Montes e Alto Douro. Mirandela, João Azevedo Editor, 1999. De 22x17 cm.; com 155 págs. Profusamente ilustrado. Desenho da capa de Alberto Péssimo.
Br. € 15,00

Exemplar estimado.





 


Catecismo da Igreja Católica - Coimbra, Gráfica de Coimbra, 1993. Realizado sob orientação de D. Albino Mamede Cleto. Tradução de D. Gabriel de Sousa. 
De 24x17 cm., com 689 págs. 
Br. € 17,50

Exemplar estimado.



Soares, José F. X. de Almeida - Alguns aspectos Médico-Sociais do Distrito de Braga. Subsídios para um Planeamento Económico-Social da Região do Minho - Braga, 1966. De 21x15 cm.; com 78-I págs. Enriquecido com diversos gráficos e quadros.
Br. € 12,50

Exemplar estimado.

Apresenta uma assinatura de posse na folha de rosto.

11/10/21


Palito Métrico e Correlativa Macarrónea Latino-Portvgvesa - Nova edição, de harmonia com a quarta de 1792, classificada pelo seu editor como apontoado de versos macarrónicos latino-portugueses, que alguns poetas de bom humor destilaram do alambique da cachimónia para desterro da melancolia. Coimbra, 1942. De 21x14,5 cm.; de LI-434 págs.
Brochado 25,00


Obra de referencia sobre Praxe Académica em Coimbra.
Exemplar estimado.