09/07/12

Para os que sofrem de corações partidos, entorses filosóficas, indigestões poéticas…

 … insónias gramaticais, dores de consoantes, descalcificações sintácticas, neuroses verbais, stress pós-acordo ortográfico, alergias românticas aconselha-se a toma diária de várias palavras. Em casos graves, pode mesmo exceder alguns capítulos sem prejuízo para a saúde do leitor.

 


5 comentários:

ana disse...

Ah...ah...ah...:)

Quase cheguei lá mas só quase!:)))

É verdade é um excelente remédio.
Beijinhos! :)

Isabel disse...

Fixe!!

Neste momento estou precisando desesperadamente para o meu mal: stress pós-acordo ortográfico!

Um beijinho
(Parabéns pelo post, está o máximo!)

Cláudia Ribeiro disse...

Isabel, é pena não vir até ao Porto no próximo sábado, no Dia do Bairro dos Livros. Vão haver muitas surpresas!!!...
O tema dá para fazer coisas muito engraçadas... e mais não digo.
No seu caso, aconselho umas horas de boa literatura (pode ser Eça, Camilo, Torga, António Nobre, Pessoa, Raúl Brandão...). Nada de genéricos. Pode acompanhá-los com música. Aconselho várias tomas ao dia que não corre perigo de sobredosagem.
Os efeitos são imediatos.
Beijinhos e rápidas melhoras!!:))

Isabel disse...

OK!Obrigada.
Vou seguir o seu conselho, mas mesmo assim duvido que isto passe!

Um beijinho e um bom sábado de Bairro dos Livros. Tenho visto que têm actividades muito interessantes.
Parabéns.

Cláudia Ribeiro disse...

Obrigada.
Gostava muito que viesse até cá!...
Beijinhos